Dicas para o gerenciamento bem-sucedido de fazenda de gado de corte

21Jul / 2020

Dicas para o gerenciamento bem-sucedido de fazenda de gado de corte

O que é preciso para que seu gerenciamento de fazenda de gado de corte seja bem-sucedido? Neste artigo, detalhamos o que é necessário para implementar um processo de gestão profissional e eficiente na sua propriedade e ainda listamos 10 dicas para colocar em prática e obter melhores resultados. Continue a leitura e confira! 

Como ter sucesso na gestão do gado de corte? 

Alcançar sucesso no gerenciamento do gado de corte parte necessariamente do conhecimento aprofundado do seu negócio. Para isso, é essencial que se faça um levantamento de toda a estrutura, área disponível, equipamentos e recursos. Assim como todos os dados referentes ao seu rebanho.  

 A partir desse levantamento será possível definir os indicadores de desempenho que irão nortear a sua gestão, direcionando tomadas de decisões mais assertivas e otimizando custos e investimentos.  

Nesse sentido, tenha em mente que quanto mais dados tiver, maior será a sua segurança para intervir e atuar, aumentando assim as possibilidades de sucesso na sua propriedade.  

Boas práticas para o gerenciamento de gado de corte 

  • Traça os objetivos que almeja conquistar com a sua produção pecuária;  

  • Determine uma visão de futuro e defina metas para curto, médio e longo prazo. Ou seja, como espera que seu negócio esteja em 5, 10 ou 20 anos? 

  • Aposte em: raças com bom potencial genético, controle sanitário, nutrição de qualidade e bem-estar animal. 

  • Adeque a rotina e investimentos de acordo com a capacidade financeira da sua propriedade; 

  • planeje como atuará no mercado  (ex: mercado de commodities ou cortes gourmet). 

Principais indicadores a serem acompanhados 

 É imprescindível que você colete e acompanhe de forma eficiente e constante todos os dados zootécnicos da fazenda, pois é a partir deles que se consegue estabelecer as metas e modificar qualquer estratégia traçada. Alguns importantes indicadores a serem medidos, são: 

  • ganho médio diário; 

  • produção de arrobas/ha/ano; 

  • lucro/ha/ano; 

  • lotação dos pastos; 

  • taxa de desfrute; 

  • taxa de natalidade; 

  • taxa de desmame; 

  • taxa de reposição; 

  • desembolso por cabeça por mês. 

10 dicas para um gerenciamento bem sucedido do gado de corte 

1- Manejo nutricional e intensificação de pastagens. 

2- Conheça seus custos de produção, para isso tenha um fluxo de caixa que registre todas as entradas e saídas.  

3- Controlar os pilares da pecuária, pois assim, o custo de produção fica fácil de ser conhecido. Os pilares são: mão de obra, no centro de tudo e; profilaxia e saúde, manejo racional, programa reprodutivo, nutrição, melhoramento genético e controle zootécnico. 

4- Capacita sua mão de obra para que as tecnologias empregadas sejam bem utilizadas e tragam resultados efetivos. 

5- Empregue uma visão empresarial para sua fazenda, e paute suas ações por dados sólidos e baseado nos objetivos traçados. 

6 - Priorize produtividade ao invés de produção. 

7-Foco em planejamento, execução e verticalização do sistema. 

8-Esteja sempre aperfeiçoando seu planejamento para que consiga ter bom desempenho mesmo na época da seca. 

9 – Faça a gestão de pessoas – estabelecer uma boa relação com sua equipe contribui para que se sintam pertencentes ao negócio e entreguem os melhores resultados. 

10 – Atente-se aos detalhes do manejo do rebanho a fim de sempre garantir o bem-estar dos animais, evitando estresse e queda de desempenho. 

Gerenciar sua propriedade rural de forma profissional e empresarial pode ser um desafio no início, mas sem dúvidas trará resultados diferenciados para o seu negócio, destacando-o em meio a um mercado altamente competitivo. Então, não espere para começar a revisar seus processos, esse é o caminho certo para tornar o seu negócio altamente produtivo e lucrativo. 

 

Comente:

Fundada em 1951, a COIMMA é hoje a maior fabricante de balanças e troncos da América Latina.Saiba Mais!