Blog

Uso de lipídeos na alimentação de bovinos

23Ago / 2016

Uso de lipídeos na alimentação de bovinos

A utilização de lipídios na dieta de ruminantes pode contribuir positivamente com a produção animal, aumentando energeticamente a qualidade da dieta e a eficiência dos animais que depositam grande quantidade de gordura em seus produtos. Com a suplementação lipídica há o aumento da capacidade de absorção de vitaminas lipossolúveis e o fornecimento de ácidos graxos essenciais importantes para membranas de tecidos (Palmquist & Mattos, 2006). O uso de lipídios na dieta pode contribuir para a redução das perdas por metano e levar a melhorias na eficiência metabólica das reações de anabolismo no tecido adiposo. Isso ocorre pelo fato dos ácidos graxos estarem prontamente disponíveis para a deposição, pois há redução do custo energético da síntese de gordura a partir de ácidos graxos de cadeia curta (Souza et al., 2009). Os óleos possuem 2,25 vezes mais energia que carboidratos, dessa forma a inclusão de lipídeo faz com que se eleve o teor de extrato etéreo da dieta, fornecendo mais energia para a mesma e consequentemente para o animal.

Fatores negativos da utilização de lipídeos na dieta de ruminantes também existem, e estão atrelados à sua inclusão, a qual não deve ultrapassar os 7% da matéria seca ingerida. De acordo com Medeiros (2002), o principal motivo seria a influência negativa da gordura na degradabilidade da fibra. Segundo o autor existem duas hipóteses para esse efeito, uma delas é para o efeito químico, onde os ácidos graxos, especialmente os insaturados, são tóxicos para as bactérias celulolíticas; e a outra hipótese seria pelo fator físico, o qual a gordura cobriria as partículas de alimento, dificultando a adesão das bactérias celulolíticas a elas.

Os autores concluem que até 7% de extrato etéreo na dieta não interfere no desempenho ou em características de carcaça, contudo inclusões maiores de 7% influenciam negativamente o desempenho, porém para tal conclusão, ainda deve-se levar em conta outros aspectos da dieta, pois o nível de lipídio sofre interação com outros ingredientes, como por exemplo a quantidade de fibra.

João Victor Tino Dellaqua
Graduando em Zootecnia
FCAT - UNESP Dracena

Comente:

Fundada em 1951, a COIMMA é hoje a maior fabricante de balanças e troncos da América Latina.Saiba Mais!